top of page

Precisamos falar sobre o Vitiligo

Atualizado: 24 de abr. de 2022

A doença de pele que atinge de 1% a 2% da população mundial, voltou a ser assunto devido ao BBB22.

Railson Oliveira

 

Imagem Instagram da modelo Winnie Harlow.

O Vitiligo é uma doença de pele, que voltou a mídia, no início desse ano em todo o país, com a participação da modelo e designer de unhas, Natália Deodato, no BBB22. Diversas personalidades públicas tem a doença. Como a modelo Winnie Harlow e o cantor Michael Jackson, que tornou o dia 25 de junho, uma data dedicada a tratar sobre o tema.

Natália Deodato - Foto disponível no instagram @deonaty_

é uma doença de pele bastante antiga. Existem relatos dela desde o segundo milênio antes de Cristo, de acordo com o artigo publicado por Eliane Cristina, especialista em morfologia e Maria Raquel, Dra. associada do departamento de ciências morfológicas da Universidade Estadual de Maringá - UEM.


É uma doença que causa a perda da coloração da pele, formando uma despigmentação, e causando manchas esbranquiçadas ao redor do corpo, que pode variar de tamanho, ou seja, não existe uma “padrão” de manchas, e pode acontecer com qualquer pessoas independente de sua cor, sexo, idade ou classe social.


Existe a segmentar / unilateral, que e quando as manchas se manifestam apenas numa parte do corpo, e tem a não segmentar / bilateral, onde as manchas aparecem nos dois lados do corpo e normalmente se manifestam em extremidades como as mãos, pés, nariz e boca, e esse é o tipo mais comum da vitiligo.


Algumas pessoas costumam falar sobre o vitiligo emocional, mas na verdade ela não existe, o que acontece é que com o estresse a doença tende a se manifestar mais rapidamente, e que apesar do emocional estar bastante ligado a doença, não tem nenhuma relação com o surgimento dela.


O diagnóstico deve ser realizado por um dermatologista, e pode ser por meio de uma biópsia da pele, com o auxílio de uma luz especial ou por meio do olho nu mesmo, e vale lembrar que ela não costuma apresentar nenhum tipo de sintomas, nem mesmo coceira.

Existem alguns tipos de tratamento como cremes, medicamentos orais e até mesmo o uso de laser, que tem como objetivo impedir a evolução das manchas, entretanto, até o momento não existe uma cura, somente meios para controlá-la.


Não tem nenhuma forma de prevenção, já que ela é uma doença hereditária, porém a incidência é muito baixa, não passando dos 30%, e chega atingir somente cerca de 1% a 2% da população mundial.


E é bom deixar claro que ela não é uma doença contagiosa!

MIchael Jackson - Foto disponível no instagram @michaelkackson

Existe uma data dedicada ao combate do Vitiligo, no dia 25 de junho, essa data foi escolhida em função do aniversário de morte do cantor Michael Jackson, que também sofria com essa doença.


Com certeza Michael Jackson foi o portador mais conhecido dessa doença, principalmente pelo fato de ter se submetido a um procedimento com o intuito de acelerar a despigmentação da pele.












24 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page