top of page

Invictos e líderes, Falcons vence mais uma partida

Atualizado: 24 de abr. de 2022

Sem técnico na beira da quadra, Urso Rei perde em sua estreia para Falcons, que dispara na tabela.

Rafael Abbehusen - 02 de fevereiro de 2022

 

Domingo, dia 30/01, foi vez da Urso Rei, Atlética Baiana de Direito, estrear na LN contra ninguém menos que a Falcons, Atlética unificada de saúde da UCSAL, invicta no campeonato.


Sem seu técnico presente por conta de uma viagem, a Baiana de Direito teve que se virar com o que tinha, e começou o jogo com um padrão ofensivo muito bem treinado, contra uma marcação igualmente encaixada da Falcons.


Os dois primeiros gols do jogo foram bem parecidos, com o passe encaixado no meio. A Falcons marcou com Marcelo, camisa 19, com direito a dancinha, e Geo, camisa 77, depois de rebote do goleiro.


Depois do segundo gol, a Falcons tomou conta do jogo por um bom tempo e pressionou muito no ataque, até que a Urso Rei também conseguiu achar passes no seu pivô. Depois de uma boa jogada, um escanteio gerou a oportunidade que a Urso Rei queria e Roberto, camisa 64, marcou o primeiro gol do seu time no campeonato.


O placar apertado fez com que os últimos cinco minutos de jogo pegassem fogo, e em uma linda jogada individual de Lucas, o camisa 10 da Falcons aumentou o placar colocando a bola no ângulo e o terceiro gol para a conta da sua atlética.


Nos últimos 30 segundos do primeiro tempo, uma briga generalizada parou o jogo e incendiou ainda mais a partida, sem cartões vermelhos.


O primeiro tempo termina com um nome a ser destacado: Alan Lucas, goleiro, camisa 12 da Falcons, com quatro defesas milagrosas e muita vibração.

Foto: Felipe Viterbo / CJOR

O clima do jogo permaneceu o mesmo no segundo tempo, e mais uma vez, nos primeiros cinco minutos, a Falcons conseguiu chegar ao gol, de novo Geo, camisa 77, abrindo vantagem no placar, 4 x 1.


Depois de tomar o quarto gol, a Urso Rei pressionou muito, e em uma sequência de escanteios, Pedro, camisa 62, deu esperança ao time diminuindo o placar. Durante muito tempo, a Falcons soube sofrer e quando o seu goleiro foi superado em um chute, Marcelo, camisa 19, estava lá em cima da linha pra fazer milagre e salvar o que seria o terceiro gol da Baiana.


Com o jogo esquentando, Rafael, camisa 47, recebeu o segundo amarelo e foi expulso da partida, desfalcando sua equipe.

(Lembrando que no futsal, a expulsão faz com que o time fique com um jogador a menos por dois minutos ou até que sofra um gol)


No último minuto de jogo, a Urso Rei ainda tentou, com o goleiro linha em quadra, pressionar mais em busca do gol, porém, novamente, a Falcons soube ser pressionada e segurou o placar até o apito final. Placar final 4 x 2 Saúde UCSAL.


Para ver as fotos da rodada e conferir o #SeuMomentoNaLiga - Aperte aqui -------------------------------------------------------- Obs.: Lembre sempre de nós marcar!! Ajuda demais na divulgação, obrigado e boas fotos!!
115 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page